Aquivos por Autor: Frederico Mira George — «Arte»

Sobre Frederico Mira George — «Arte»

Frederico Mira George: Escritor, Artista Plástico, Podcaster, Psicoterapeuta

Objectos nº7 — © Frederico Mira George — Lomoprint photo

«Humilhados e Ofendidos» F. Dostoïewsky Li este livro 1984. E foi ele que me levou a estudar o marxismo. Sou socialista revolucionário (Comunista Internacionalista, se preferirem), graças a Theodor (Fedor) Mikhaïlowitch Dostoïewsky, pela influência deste romance. Só mais tarde, através … Continuar a ler

Publicado em Os meus objectos | Etiquetas , , , , , | Publicar um comentário

Objectos nº6 © Frederico Mira George — Lomoprint photo

Lupa de leitura, 1900 «As mãos tremem, os olhos não vêem; se me ponho em frente de um papel em branco, sinto muita vontade de ter essa experiência e ao mesmo tempo muito medo.» Artur Cruzeiro Seixas Objecto Emily. CT … Continuar a ler

Publicado em Os meus objectos | Etiquetas , | Publicar um comentário

Objectos nº6 © Frederico Mira George — Lomoprint photos

O Copo Checo da Infância, Azul Índico. Copo, oferenda de M. A. Bule de prata com brasão Ayalla, herança M.L. Os pincéis, os meus antigos pincéis perderam-se de mim. Tive muitos. Agora uso estes em homenagem a esses amigos perdidos … Continuar a ler

Publicado em Os meus objectos | Etiquetas , , , | Publicar um comentário

Objectos n° 5 © Frederico Mira George — Lomoprint photo

Cartão Fotográfico, 1901, «Chegada à Beira». António, Júlia, Fernando, Valentina, Edmundo Manual do Navegante ou talismã. Oferenda C. «Poesie, o pequeno diário verde de V», início em Pangim, Goa, final Lisboa. Oferenda de V. (P) 

Publicado em Os meus objectos | Etiquetas , , , , , , , , , , | Publicar um comentário

Objectos n° 4 — © Frederico Mira George — Lomoprint

© Frederico Mira George Lomopaperint photos  Budha Shakymuni em cerâmica e ouro, tradição Zen, origem Kioto, Japão Oferenda de V. Flores que recolho no caminho Café-Casa Dragão Tibetano protector do Dhama em bronze e prata, origem Nepal. Oferenda de M. … Continuar a ler

Publicado em Os meus objectos | Etiquetas , , , , | Publicar um comentário

Objectos nº3

© Frederico Mira George Os meus óculos de «ver ao longe» Comprados na loja Havanesa Eborense, em Évora, 2011. Em relação ao quotidiano não há nada que receie mais do que ficar sem óculos. Os que uso para ler também. … Continuar a ler

Publicado em Os meus objectos | Etiquetas , , , | Publicar um comentário

Objectos #2

© Frederico Mira George, lomografia, sem janela de foco Mini Transistor ‘Sony’. Minha Telefonia, sempre. Lisboa. Bule cerâmico, ‘Vista Alegre’, Évora.  Meu precioso chá. Veio de Évora.

Publicado em Os meus objectos | Etiquetas , , , | Publicar um comentário

Os meus objectos são o espelho da minha vida

Villa de Collares 3 de Julho de 16 — Domingo A partir de hoje, e com a regularidade que me for possível, irei partilhar os objectos que espelham a minha existência. Serão revelados sem nenhuma ordem especial, alguns são muito … Continuar a ler

Publicado em Os meus objectos | Etiquetas , | Publicar um comentário

ÚLTIMA VALSA — ENTREVISTA AO PROF. LUÍS FARINHA, DIRECTOR DO MUSEU DO ALJUBE

Ouça aqui o Podcast — Entrevista com o Prof. Luís Farinha, Director do Museu do Aljube, Resistência e Liberdade, por Frederico Mira George. Todos os podcasts «Última Valsa — Poesia em modo telefonia, programa da autoria e apresentação de Frederico Mira George … Continuar a ler

Publicado em ÚLTIMA VALSA — Podcasts audio | Etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Publicar um comentário

Última Valsa — Poemas em modo telefonia

Emissor Livre de Telefonia Última Valsa Podcast por Frederico Mira George Os poemas na rádio. http://ultimavalsatelefonia.tumblr.com Ler pelos ouvidos! Podcast #1 Vítor Silva Tavares — já disponível   

Publicado em ÚLTIMA VALSA — Podcasts audio | Publicar um comentário

ÚLTIMA HORA — Poemas — Terceiro — © Frederico Mira George

Terceiro {/despede-te dela, da Alexandria que se vai embora./ /aproxima-te da janela, ouve com emoção, mas não com as súplicas e queixas dos covardes,/ e despede-te dela, da Alexandria que perdes./ Kavafis (excertos do poema:  «O Deus Abandona António»} Em … Continuar a ler

Publicado em Diário Literário-Novas entradas | Publicar um comentário

ÚLTIMA HORA — Poemas — ©  Frederico Mira George

Segundo {Quais des Orfèvres — Rua Áurea — Aller et Retour} Amanheci em Lisboa no final da segunda metade dos anos oitenta, Viajei para o rever, voltei e tenho estado à espera, acaba de chegar. Mantém a figura que lhe … Continuar a ler

Publicado em ÚLTIMA HORA — Poemas | Etiquetas , , , , , , , , | Publicar um comentário

ÚLTIMA HORA — Poemas © Frederico Mira George

Primeiro Poemas de Konstandinos, trago-os presos às têmporas. Desejava muito, muito, esconder-me num lentíssimo transporte. Embarcar aqui e demorar-me por meses adentro  do deserto egípcio, navegar até estar muito cansado  e quando já não aguentasse o cansaço, quando estivesse a … Continuar a ler

Publicado em ÚLTIMA HORA — Poemas | Etiquetas , , , , , , , | Publicar um comentário

QUARTETO DAS GRANDES LIÇÕES — As Lições de Valentina #2 — Frederico Mira George

QUARTETO DAS GRANDES LIÇÕES Livro primeiro, «As Lições de Valentina» As Lições de Valentina #2 Várzea de Collares Molhe da Ribeira 17 de Fevereiro de 15, Terça-feira 8ª Semana — 317º dia {Café «C. da V.} Doze horas, primeiro-almoço; a … Continuar a ler

Publicado em Quarteto das Grandes Lições | Etiquetas , , , , , , , | Publicar um comentário

QUARTETO DAS GRANDES LIÇÕES — As Lições de Valentina #1 — Frederico Mira George

QUARTETO DAS GRANDES LIÇÕES Livro primeiro, «As Lições de Valentina» Para o meu filho, João, Em memória de minha mãe. As Lições de Valentina #1 Várzea de Collares Molhe da Ribeira Dia 14 de Fevereiro de 15 {Café «C. da … Continuar a ler

Publicado em Quarteto das Grandes Lições | Etiquetas , , , , , , , , | Publicar um comentário

O Veneno Solitário

Publicado em O Veneno Solitário | Publicar um comentário

O Veneno Solitário/Final #30 — © Frederico Mira George

O Veneno Solitário #30 Várzea de Colares, Dia 19 de Janeiro de 15 Dia 21 de Janeiro de 15 Semana 4 — dia 346/344 Largo António Nunes Rodrigues Caruna Molhe da Ribeira {Café «C.da V.», Segunda-feira, Quarta-feira} Trigésimo {Fim; Inverso} … Continuar a ler

Publicado em O Veneno Solitário | Etiquetas , , , , , | Publicar um comentário

O Veneno Solitário #29 — © Frederico Mira George

O Veneno Solitário #29 Várzea de Colares, Dia 15 de Janeiro de 15 Semana 3 — dia 349 Largo António Nunes Rodrigues Caruna Molhe da Ribeira {Café «C.da V.», Sexta-feira -feira} Vigésimo nono Por mais que reflita, não há razão … Continuar a ler

Publicado em O Veneno Solitário | Etiquetas , , , , , , | Publicar um comentário

O Veneno Solitário #28 — © Frederico Mir George

O Veneno Solitário #28 Várzea de Colares, Dia 13 de Janeiro de 15 Semana 3 — dia 352 Largo António Nunes Rodrigues Caruna Molhe da Ribeira {Café «C.da V.», Terça-feira} Vigésimo oitavo {Campo Grande} Imaginei muitas vezes aquele lago — … Continuar a ler

Publicado em O Veneno Solitário | Etiquetas , , , , , , , , , , , | Publicar um comentário

O Veneno Solitário #27 — © Frederico Mira George

O Veneno Solitário #27 Várzea de Colares, Dia 5 de Janeiro de 15 Largo António Nunes Rodrigues Caruna Molhe da Ribeira {Café «C.da V.», Segunda-feira} Vigésimo sétimo {À minha infância, a Campo de Ourique, ao Mestre Luís de Sttau Monteiro} … Continuar a ler

Publicado em O Veneno Solitário | Etiquetas , , , , , , , , , | Publicar um comentário